Terceira Porta à Direita: O mundo não engole os gênios.

segunda-feira, agosto 21, 2006

O mundo não engole os gênios.


(ou... o futuro pertence aos idiotas).


É mais velho que o mundo: quando um homem enxerga além dos outros, é chamado de visionário – to say little. Louco! Estúpido! Sonhador! Os teóricos aparecem com 300 razões para não se levar em conta o pensamento de alguém que desbanca o status quo, o main stream, a teoria regente. E às vezes é tudo tão óbvio...

Se lembra quando a terra era quadrada e terminava num abismo com monstros marinhos? Oras...Qualquer um sabia que era assim. Era só chegar na praia e observar...O horizonte é uma linha reta! Logicamente não há nada além dele. Como não há nada além do céu. O Sol é uma estrela quente que gira em torno da terra para gerar dias para trabalhar, noites para descansar. Dias para guerrear. Noites para festejar. Pretty obvious. E a primeira pessoa que disse que é a terra que gira em torno do sol morreu numa fogueira da inquisição. HEREGE!!!!

Os hereges de hoje são queimados na fogueira das revistas científicas. Na fogueira dos teóricos e dos cegos. A ciência – ou os cientistas teóricos com viseiras – tornou-se a igreja de antigamente. Eles estão aí para dizer para qualquer louco que ele devia trabalhar no circo e não se meter onde todo mundo sabe tudo. Deuses...Deuses que pregam o monoteísmo...a monociência, a monovisão. Que riem e torturam com falta de verba os hereges que ousam discordar do grande deus.

Hoje a Folha de São Paulo traz um delicioso exemplo disso. Um holandês com cara de botequeiro-jogador-de-video-game, resolveu irritar os produtores de nanotubos usados na informática para produção de chips e descobriu o futuro (sim...o futuro além de Bill Gates ou do i-pod). Quando perguntado porque ele investiu nessa idéia, a reposta infantil dele mostrou que delicioso e divertido é enxergar além do alcance: “despeito!”(hahahahahha)
Por puro despeito e vontade de irritar, ele juntou seus alunos e colegas para descobrir o impossível: o grafeno. Uma folha de dimensões nanoscópicas (um nanômetro é um milionésimo de milímetro) composta só de átomos de carbono com propriedades mágicas.

Provavelmente, o GRAFENO será o substituto absoluto do silício (já que é estável como o silício não é), criando computadores e eletrônicos que não desligam nunca...trazendo o futuro inimaginável para a nossa vida diária.
Se você se perguntava como entraria online , ou como viveria sem caixa automático, luz, ou televisão, na vida pós-apocalipse, seus problemas acabaram! Pelo menos os meus, sim!

Esse doido visionário, já foi queimado na fogueira da ciência uma vez, recebendo o vexaminoso prêmio: IG NOBEL, por ter feito experimentos com imãs para levitar um sapo. E sim...Ele conseguiu levitar o sapo! Pra mim é muito óbvio...Até porque eu, como você, sei e nasci sabendo que o impulso magnético de ímãs de pólos opostos, gera uma energia que pode ser a única solução de combustível no futuro. Um combustível sem fim...Que pode suportar viagens intergalácticas, ou a total falta de combustíveis naturais num futuro bem próximo, além de levitar um sapo.

André Geim para mim podia ser chamado de “salvador da humanidade”, mas por enquanto para a comunidade científica ele não passa de uma criança irritante. Só que esta criança irritante e seus colegas acabaram de observar no grafeno um fenômeno que só era possível (pensaram errado de novo) na evaporação do buraco negro: o paradoxo de Klein. (elétrons atravessam barreiras teoricamente intransponíveis como se elas fossem transparentes).

Ora ora ora...Mais um herege mudando de posto. Geim, com um Ig Nobel, será com certeza o próximo NOBEL da física!
E o que isso tem a ver com a sua vidinha cotidiana? Aguarde e verás...Depois do Grafeno, e assim que ele sair do papel para o vale do silício (vale do grafite?) e acabar no seu computador, no seu celular, no seu carro, na sua TV, nos interruptores da sua casa...A sua vida nunca mais será a mesma.

E eu festejo!
Porque há limites nesse mundinho que não cabem na minha cabeça e a quebra deles me parece óbvia demais...Pena que eu nasci romântica, escritora, fanática pela arte e pela beleza, sem o menor talento para matemática...Embora meu olho para o óbvio da física sempre me atormentasse.
Ainda bem que nasceu alguém que enxerga o que eu vejo, e não sei mostrar...E que não vê o universo de dentro da janelinha segura da “igreja científica”...mas com olhos de thunder cat!
Estamos salvos!

4 comentários:

Marília disse...

Adoro os hereges!!!Quisera ter o mesmo dom de irritar!!!hahahahahaha
Gostei sim tá!!!
Beijooo

fastolf.b disse...

Yeah! Now it's mom talking...

LR disse...

Não sabia desse seu espaço e sempre achei que lhe faltava um.
Faltava esse espaço para eu ler e ter a visão do que você escreve, obrigado pelo convite.
Parabéns!

flyingfrog disse...

...quem "investe" assim por puro despeito já tem "o céu" do próprio coração garantido e, mais ainda se essa investida "quebra pernas" do poder e/ou desvia o stream do main... isso garante, no mínimo, aquele sorriso seguro e destemido até diante do eventual carrasco a acender-lhe a fogueira sob seus pés... ou ainda, aquela deliciosa (e irritante, ahahahah!!!) gargalhada diante de juízes ceguetas e de seus gananciosos patrões por hora estabelecidos, ao se deparar com a tentativa de fazê-lo estreitar sua visão excessivamente larga... ao invés do revés... hehehe

oops! não me contive ahahahahah e devia ter dito só assim:
mê, ...MA-RA-VI-LHA!!!!
e viva o grafeno! viva o Geim! ...e que afinal os sapos também voem!!!

beijos
m.